clique e assine o feed - RSS

Blog da Lu

Apple e gravadoras se unem contra o streaming gratuito de músicas

11 março - Publicado pela Lu em 11/03/2015 às 12:58 em Blog.

apple-e-gravadoras-se-unem-contra-o-streaming-gratuito-de-musicas

Quem hoje em dia, não usa algum serviço de stream gratuito de música como Spotify, Deezer ou Rdio, não é mesmo?

Então, só pra você ter uma ideia, o Spotify hoje já tem 60 milhões de usuários ativos, e desse total, 15 milhões são assinantes do serviço premium, acredita? Pois é, mas isso ainda parece pouco para as gravadoras responsáveis pelo repertório de músicas e artistas, viu?

Gente, só pra relembrar stream é um serviço multimidia de uma rede feito através de pacotes, e costuma ser muito utilizado para distribuir conteúdo pela web. Olha só este exemplo: em streaming, as informações não ficam armazenadas no seu próprio computador. Você recebe o “stream”, que é a transmissão dos dados e a mídia que pode ser música ou vídeo é reproduzida na medida que chega até você.

Tanto que o Spotify, assim como os demais serviços de música, ajudaram nessa transição da mídia física para a mídia digital com a promessa de, assim, gerar receita para as empresas e reduzir a pirataria. Interessante,não acha?!

Agora, me parece que as gravadoras que assinaram contratos com o Spotify estão mudando de ideia e querem a ajuda da Apple na divulgação de um serviço de streaming sem opção gratuita, sabe? Isso porque,elas  acreditam que o Spotify deveria ter muito mais que 15 milhões de assinantes e, se a Apple conseguir atrair mais pessoas dispostas a pagar por seus serviços, o modelo de negócios do Spotify pode vir a ser questionado por elas. Que coisa, né?

Diz a lenda que a Apple vai relançar o antigo Beats Music em junho, junto com o lançamento do iOS 8.4. E eu li que ele deve se tornar um aplicativo obrigatório do sistema. Tanto que o executivo da Apple, Eddy Cue e o criador do Beats Music, Jimmy Iovine já prometeram ajudar as gravadoras a “reverter a maré da música digital gratuita” trazida pelo Spotify e YouTube.

Daí a Apple queria cobrar US$ 7,99 nos EUA pelo seu serviço de stream contra os US$ 9,99 do Spotify. Mas as gravadoras não aceitaram e a Apple teve que desistir de reduzir o preço. Sem contar que até artistas como Adele e outras não concordam de forma alguma com esse modelo de streaming gratuito.

Olha só, o caso mais comentado é o da cantora Taylor Swift, que retirou todos os seus álbuns do Spotify dizendo que “simplesmente não concorda que a música deve ser gratuita”.

Mesmo com tudo isso acontecendo, as gravadoras sabem que é preciso ter algum serviço gratuito para atrair assinantes. Só que eu fiquei sabendo por meio de fontes da Billboard, que as gravadoras querem colocar limites mensais de uso para planos gratuitos. Você poderia ouvir apenas 10 horas de música por mês e se quisesse mais, teria que pagar.

E aí, você concorda com essa possível mudança? Conta pra mim!

Tags:
, , , , , , ,
  • Narlier Oliveira

    Sou usuário do Spotify, graças a esse App eu conheci algumas bandas muito boas, coisa q não iria acontecer nas rádios e tão pouco nas lojas de CDs, pois o preço é muito alto.
    Prefiro escutar o Spotify e quando acho uma banda bacana, procuro mais músicas desta banda, se for realmente Boa, vou la e compro o cd.
    Nota zero para quem não aceita o streaming gratuito.

buscar
sobre o blog

Todos os dias vou falar sobre as mais recentes tendências da internet,além de trazer muitas novidades sobre os produtos que estão fazendo sucesso pelo mundo.

Leia Mais »

Conheça nosso canal
Conheça nosso canal
  •  
  • Visite o nosso site
  •  
  • Só o Magazine Luiza oferece o melhor conteúdo sobre produtos.

® 2009 Magazine Luiza - Todos os direitos reservados